Atendimento Perinatal

Perinatalidade significa “em torno do nascimento” , é o período que compreende a descoberta da gravidez, ou mesmo o início das tentativas de se engravidar, a gestação, o nascimento do bebê e o puerpério (período pós nascimento). Eventos como: abortamentos (naturais ou provocados), fertilização in vitro (FIV), adoção, também fazem parte desse período.

Todas as etapas e eventos da perinatalidade merecem especial atenção, pois trazem profundas transformações corporais, psicológicas e relacionais na vida da mulher. Vivemos numa sociedade que muito valoriza a chegada do bebê do ponto de vista material (enxoval, chás de bebês etc..), que dita padrões de “normalidade” pra gestante (muito peso, pouco peso) e que acima de tudo, normatiza a experiência da maternidade criando “verdades”que vão desde como ela deve se sentir em relação a sua gestação, até o tipo de parto, cuidados e criação do bebê.

O grande problema é que essas “verdades” quase nunca contemplam a singularidade e ambiguidade da maternidade. É esperado das mulheres, que lidem com esse momento com pura alegria e gratidão, impedindo assim, que sentimentos como: medo, raiva e tristeza, não tenham espaço para expressão.


Como a Psicoterapia Perinatal pode ajudar:

O atendimento psicológico perinatal visa oferecer a mulher que percorre esse período um espaço de escuta empática que possibilite acolher, compreender e transformar sentimentos, medos, crenças e dinâmicas relacionais que circundam esse momento, e poder fazer escolhas conscientes, fruto de suas próprias reflexões. O cuidado psicológico nessa fase, pode atuar na diminuição da ansiedade gestacional e na prevenção da depressão pós-parto.

O serviço inclui:

* Pré-natal psicológico;  

* Orientação para casais “grávidos”;

* Psicoterapia no pós-parto (presencial, on-line ou domiciliar);

 

Juliana Valente Conde, psicóloga desde 2002, psicoterapeuta Junguiana formada pela FACIS. Formada em Psicologia Perinatal pelo instituto Roda Viva e pelo instituto Gerar, coordenadora do Aprimore – Núcleo de estudos em Psicologia e Rede de Atendimento Psicológico.

AGENDAR SUA CONSULTA

Queremos lhe oferecer o melhor atendimento possível. Por isso, você será atendido diretamente por um(a) psicólogo(a) de nossa equipe.
Preencha o formulário abaixo ou envie uma mensagem para (11) 99554-3806 que retornaremos o mais brevemente possível.


Seu nome:*
Seu telefone:
Seu e-mail:*

Observações:

Perinatalidade significa “em torno do nascimento” , é o período que compreende a descoberta da gravidez, ou mesmo o início das tentativas de se engravidar, a gestação, o nascimento do bebê e o puerpério (período pós nascimento). Eventos como: abortamentos (naturais ou provocados), fertilização in vitro (FIV), adoção, também fazem parte desse período.

Todas as etapas e eventos da perinatalidade merecem especial atenção, pois trazem profundas transformações corporais, psicológicas e relacionais na vida da mulher. Vivemos numa sociedade que muito valoriza a chegada do bebê do ponto de vista material (enxoval, chás de bebês etc..), que dita padrões de “normalidade” pra gestante (muito peso, pouco peso) e que acima de tudo, normatiza a experiência da maternidade criando “verdades”que vão desde como ela deve se sentir em relação a sua gestação, até o tipo de parto, cuidados e criação do bebê.

O grande problema é que essas “verdades” quase nunca contemplam a singularidade e ambiguidade da maternidade. É esperado das mulheres, que lidem com esse momento com pura alegria e gratidão, impedindo assim, que sentimentos como: medo, raiva e tristeza, não tenham espaço para expressão.

 

Como a Psicoterapia Perinatal pode ajudar:

O atendimento psicológico perinatal visa oferecer a mulher que percorre esse período um espaço de escuta empática que possibilite acolher, compreender e transformar sentimentos, medos, crenças e dinâmicas relacionais que circundam esse momento, e poder fazer escolhas conscientes, fruto de suas próprias reflexões. O cuidado psicológico nessa fase, pode atuar na diminuição da ansiedade gestacional e na prevenção da depressão pós-parto.

O serviço inclui:

* Pré-natal psicológico;

* Orientação para casais “grávidos”;

* Psicoterapia no pós-parto (presencial, on-line ou domiciliar);

 

Juliana Valente Conde, psicóloga desde 2002, psicoterapeuta Junguiana formada pela FACIS. Formada em Psicologia Perinatal pelo instituto Roda Viva e pelo instituto Gerar, coordenadora do Aprimore – Núcleo de estudos em Psicologia e Rede de Atendimento Psicológico.